Halong Bay – o cartão postal do Vietnã

Nossa felicidade em frente a grandiosidade de Halong Bay
Nossa felicidade em frente a grandiosidade de Halong Bay

Vir ao Vietnã e não ir até Halong Bay é crime de lesa majestade. No Camboja já planejávamos o tempo que íamos passar no Vietnã, dia a dia para conseguir chegar a Hanói com tempo de ir para Halong Bay. Corremos bastante e trocamos de cidade quase a cada dois dias, mas conseguimos chegar lá. Mais um patrimônio da humanidade. Descobrimos em Hanói que é quase impossível ir para HB sozinhos e que é caro. De toda a viagem até agora, excluindo a Turquia, os passeios saindo de Hanói foram os mais caros. Apesar de tudo o que todos falavam nos blogs e no Trip Advisor, tudo correu bem no nosso passeio. Nos divertimos muito e nos maravilhamos com essa formação quase única no mundo. Difícil está sendo escolher as fotos para colocar aqui. Compramos um passeio de dois dias com uma noite dormindo no barco na baia. É cansativo porque são quatro horas de Hanói a Halong City. Sai de manhã, chega para o almoço, faz todas as atividades e vai dormir. Dia seguinte acorda cedo para ver o nascer do sol na baia, faz mais um monte de atividades, almoça e pega mais quatro horas de estrada para voltar. O barco é um encanto, a princípio é um barco a velas, mas com motor. As velas são apenas para fazer charme. Tivemos almoço, jantar, café da manhã, tudo a bordo e com uma variedade e luxo que nos sentimos em um cruzeiro. Mochileiros finos que somos conseguimos fazer um cruzeiro dentro da viagem. E para nossa sorte o cruzeiro mais barato não deu quórum e tivemos um upgrade. Valeu pelo primeiro dia que estava fog, chuvoso e triste e que as fotos não ficavam muito claras ou bonitas. Além do que a turma foi muito boa: dois argentinos, duas canadenses, um esloveno, um indiano, três chineses, dois vietnamitas, uma italiana e um português. Também tinha cinco coreanos muito simpáticos, alegres e barulhentos (para comer principalmente), mas eles fizeram uma turma que não se juntava com a nossa.

Também fizemos um rápido curso de culinária no barco: como fazer rolinhos primavera. O problema é que todo mundo faz, todo mundo põe a mão e depois eles fritam para nós e temos que comer no jantar. Eu passei.

HaLong quer dizer dragão voando para baixo porque conta a lenda que um dragão voou dentro da bacia de Tonkin e com sua cauda agitada criou os 1500 km quadrados de formações rochosas. Na verdade são 1969 ilhas ou rochas dentro da água e foram formadas pela erosão. Também tem cavernas lindas e grandes que você pode entrar dentro. Com o turismo veio a destruição. A água da baia é imunda e fedida, lixo por todo lado, centenas de barcos turísticos (feios porque o governo comunista obrigou todos a serem pintados de branco para um não parecer melhor que o outro), lojinhas e gente vendendo coisa por todos os lados. Esqueça tudo isso e olhe as ilhas. É um sonho de beleza. Vá enquanto não acaba.

Nossa primeira tarde foi passear pela caverna Sung Sot ou Caverna das Surpresas, que é a maior e mais interessante, na baía e no meio das rochas e depois fomos fazer rafting ao redor das formações rochosas e na água fedida cheia de lixo boiando (não temos fotos por motivos do passado: no último rafting nosso no Brasil a câmera tomou banho). No outro dia fomos andar de barco conduzido por uma remadora pelas formações e cavernas e passando em uma das cidades flutuantes do lugar.

No final não consegui escolher mesmo então fiz um flickr com todas. É muita beleza para escolher apenas algumas.

E um filme porque achei que a quantidade de rochas seria difícil de ver nas fotos. Esse tipo de formação rochosa só existe em três lugares no mundo: Krabi na Tailândia onde passamos, aqui em Halong Bay e na China.

Um comentário sobre “Halong Bay – o cartão postal do Vietnã

  1. Wilde A Campos

    Mais um paraíso espetacular. As águas parecem espelhos entre as rochas e nem deu pra notar a sujeira delas nas fotos, que ficaram lindas mesmo com o fog. Até o sol ficou maravilhoso, discreto e feliz diante de tanta beleza. Aliás, a felicidade tb está no sorriso dos aventureiros. Bjs.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s