Informações práticas – Hong Kong

Hong Kong é um país moderno, desenvolvido e bem organizado. O transporte é excelente, tem um Seven Eleven e um McDonald´s em cada esquina. Não tem motos, o pessoal respeita as leis, não ouvimos buzinas. É claro que é uma cidade lotada de gente e tem certos horários que é difícil andar. Estranhamente a cidade só “abre” depois das nove da manhã e às vezes as lojas só abrem depois das 11:00 am. Vamos explicar: HK é uma área administrativa especial (SAR) e compõe-se da Ilha de Hong Kong, a península de Kowloon, a ilha de Lantau e mais outras três. Então quando falamos Hong Kong quer dizer toda essa área.

Moeda
HKD – Hong Kong Dólar Nessa data: US$ 1 compra 7,7 HKD

Eletricidade
220V-230V / 50 Hz Tomada padrão inglês. É necessário adaptador.

Como chegamos
Viemos de Hanói por avião na passagem RTW. No aeroporto pegamos o CityFiier (A21) que foi a opção mais barata. Vai do Aeroporto até Kowloon. Descemos na Nathan Road. US$ 4,30 / 33 HKD

Como saímos
Para Sidnei por avião na passagem RTW

Hotel
Lee Garden Guest House
starguesthouse@gmail.com
http://www.starguesthouse.com.hk
36 Cameron Road, 8o. andar F, Tsim Sha Tsui, Kowloon
Padrão HK: para Carlos fazer algo eu tinha que deitar na cama e vice versa. Creio que era 2m de largura por 3 m de comprimento. Uma janela e um aparador. Claustrofóbico mas é o normal em HK. Limpo, wi-fi no quarto e boa, banheiro compartilhado e sempre limpo. Fornecem toalhas, sabonete, shampoo, papel higiênico, escova de dente e adaptador para a tomada. Trocam as toalhas e limpam o quarto todo dia. No corredor tem um micro-ondas e uma chaleira elétrica. Tem uma geladeira com água disponível. Equipe muito simpática e nos deram todas as dicas de HK e as mais em conta. Muitos albergues ficam dentro de prédios e não no prédio todo. Não estranhe porque é assim mesmo.
US$ 55 / 430 HKD

Entrada da Chungking Mansions (uma super 25 de março na vertical)
Entrada da Chungking Mansions (uma super 25 de março na vertical)

Mas o melhor hotel mesmo foi o aeroporto de Hong Kong. Dormimos lá de domingo para segunda quando chegamos. O Aeroporto é tranquilo, nas cadeiras perto do Starbucks dá para dormir sem ser atrapalhado, as cadeiras são perfeitas. O frio é terrível mas é um dormitório. Os banheiros são limpíssimos e quando você acorda pode tomar café no McDonalds por US$ 3. Perfeito. E grátis.

Entradas para as atrações
The Peak (Victoria Peak) – trem ou funicular que sobe 396 metros acima do mar e quase a 45 graus e parece que vai virar para trás. Na subida e descida fique do lado direito para ver a vista. Quando chega lá em cima você tem um shopping, restaurantes e vistas lindas. Pode pagar um pacote fechado para poder entrar no Sky Terrace 428 e vale a pena porque lá em cima nada atrapalha a vista da ilha toda. Eles anunciam como vista 360 graus e é o ponto mais alto da ilha. A entrada fica perto do metro Admiralty ou Central na Ilha de Hong Kong. Antes de entrar no terraço vá ao banheiro porque depois você não pode mais sair e lá não tem.
www.thepeak.com.hk
US$ 10 / 75 HKD

Ngong Ping 360 – teleférico que leva você até o grande Buddha. Deixe um dia todo para fazer esse passeio e escolha um dia com tempo bom ou não conseguirá ver nada. Sai da ilha de Lantau. Descer no MRT (metro) Tung Chung Station, saída B, andar um pouco e comprar o ingresso para o teleférico. O teleférico é fantástico e demora 25 minuto e percorre 6 km no ar até chegar a vila Ngong Ping atravessando montanhas e vales e com a vista para o aeroporto, o Mar do Sul da China e a ilha e o parque de Lantau. Também é imperdível. Na vila tem o Big Buddha, o Po Lin Monasterio e você pode pegar um ônibus e ir até vila Tai O que é uma vila de pescadores. A vila Ngong é uma gracinha, tem restaurantes, lanchonetes, cafés e lojas. Tudo muito limpo e arrumado. Banheiros limpíssimos. Mapas e informações completas. Tudo muito organizado.
www.np360.com.hk
US$ 18 / 135 HKD

Macau – antiga possessão portuguesa a ilha é uma graça. Começa quando você chega e lê tudo em português. Estando tão perto não tem como não ir. Uma hora de ferry e etá lá. Fomos de ferry TurboJet Ida: US$ 21 / 159 HKD Volta: (noturna) US$ 24 / 184 HKD

Movimentar-se na cidade
Táxi – não usamos. Fizemos quase tudo a pé. Transporte público – compramos um Octopus Card. Custa 150 HKD, 50 de depósito pelo cartão e 100 de carga. No final da sua utilização eles devolvem o depósito, o que sobrou não gasto e cobram uma taxa de 9 HKD. Serve para o metro, o ônibus e o ferry para a ilha de Hong Kong. O metro cobra de acordo com a distância que você utiliza. Os ônibus tem preço fixo já escrito na placa de informações do ponto e varia com a distância.

Passeios
Com o guia “Walks in Hong Kong” que conseguimos no Informações Turísticas, fizemos todos os passeios indicados por eles. Foi ótimo.

Comida
A opção mais barata da cidade é o McDonalds que custa US$ 3 pelo combo. Infelizmente eu não como comida chinesa e isso reduziu muito nossas experiências na cidade. Tem de tudo mas provamos pizza e era ruim (asiáticos não sabem fazer comida italiana mesmo). Tem todos os fast foods e muitos restaurantes indianos. Não faltam opções e não é muito barato.

Segurança
Total. Como sempre nos hotéis deixamos nossa bagagem na entrada enquanto esperávamos fazer o check in e andávamos pela cidade. No check out foi igual. Tudo de acordo com o que está escrito, nenhuma surpresa nas compras de nada. Preços nos produtos. Ruas muito seguras. Cheias de gente, mas não vimos nenhum problema. A polícia anda armada e vimos bastante policiais.

Dicas
– qualquer lugar em Hong Kong, perto do MRT, é bom para ficar porque sempre tem de tudo por perto. Na ilha de HK é mais caro. Escolhemos ficar em Kowloon porque é mais barato, o ônibus do aeroporto (o 21A) e a localização facilitava a movimentação, o ferry para Macau era mais fácil e a vista do show de luzes era mais bonita. De metro de Kowloon até HK pagávamos 8 HKD.
– fomos passear na Chunking Mansions e na Mirador Mansions. É um lugar muito louco, não tivemos coragem de ficar
– não deixe de passar no Informações Turísticas (no aeroporto ou perto da Clock Tower). Eles são fantásticos, tem sugestões de walking tours muito boas e te dão todas as dicas necessárias para passear por HK e Macau
– As sacolinhas de plástico são pagas. É lei e custa HKD 0.50
– Todos os museus são gratuitos na quarta-feira. Vale a pena economizar e vale a pena visitar
– na sede do Banco da China, na Ilha de Hong Kong, você pode subir até o 43º. Andar e ter uma vista linda da cidade. É grátis. Não esqueça o passaporte porque tem que se identificar.
– não vá ao The Peak ou Ping 360 nos finais de semana. É lotado e você pode demorar horas nas filas para descer e subir. O The Peak é melhor ir na parte da tarde para ver o entardecer e ver as luzes irem se acendendo aos poucos na ilha.

Macau

Como chegamos
Viemos de Hong Kong de TurboJet . Eles têm ferry de hora em hora e é muito bom e rápido. Uma hora depois você está chegando. Quando chegar, assim que passar as Informações Turísticas tem uma saída, vá à direita e pegue o ônibus 3. Desça no Largo do Senado que você estará no centro das atrações turísticas.

Passeios
Tudo pode ser feito a pé. Siga o mapa das atrações. Nada é pago. O teatro Dom Pedro é lindo e você pode entrar para ver por dentro. A diversão é passear pela cidade e ver uma reprodução de Portugal ou do centro de São Paulo. Tudo a mesma origem. E também ver as coisas escritas em português.

Dicas
– volte antes das 18:15 para não pagar a passagem com o preço da noite que é 184 HKD, ou seja, 25 HKD a mais.
– logo na saída do ferry existe uma informações turísticas. Vá até lá para pegar o mapa da cidade com os pontos turísticos porque de resto não servem para nada. São rudes e não dão muitas informações
– tem uma rede de pastelaria chamada Pastelaria Koi Kei que é uma alegria. Tem uma em cada esquina e você pode provar todos os doces deles e mais umas carnes diferentes que só vi lá – não esqueça de levar sombrinha porque se chover o passeio fica difícil

Um comentário sobre “Informações práticas – Hong Kong

  1. Pingback: Hong Kong – a Nova Iorque da Ásia | Two backpackers

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s