Milford Sound – a beleza dos fiordes

Os fiordes de Milford Sound
Os fiordes de Milford Sound

Antes de irmos para a NZ, todo mundo que a gente encontrava recomendava esse passeio. O pessoal da terra e o povo que foi turista aqui, todos falavam para ir ver Milford. Aceitamos a dica, pagamos o preço, acordamos cedo no frio e fomos ver do que se tratava.
Para começar, o ônibus tem teto de vidro e banco reclinável que é para a gente poder ir vendo as maravilhas pelo caminho. E o caminho é quase mais espetacular que os fiordes em si. No caminho comecei a acreditar que tinha chegado a Terra Média (do Senhor dos Anéis). Entendi porque eles filmaram na NZ: o lugar é lindo. Tudo é bonito, as estradas são perfeitas e a natureza é magnífica. Amamos tudo. A viagem é longa, saímos de manhã e voltamos a noite. Na volta, todos cansados só dormimos e a ida passou muito rápido porque foi tanta coisa linda para ver.

A viagem começou margeando o lago de Queenstow, Lake Wakatipu, com as montanhas The Remarkables (algo assim como as extraordinárias) ao longe fazendo um fundo memorável mesmo. Essas são as montanhas para esquiar em Queenstown. Aí começamos a passar pelas fazendas da região. São inúmeras fazendas de gado, ovelhas e veados. Sim, veados. Muito tempo atrás, na época dos ingleses, eles sentiam falta de caçar e trouxeram da Europa alguns veados. Encurtando a história, sem predadores os bichos se reproduziram demais, começaram a comer todas as florestas da NZ e então resolveram usá-los como alimento mesmo. Eles criam os veados igual gado, abatem e fazem churrasco mesmo. Pobrezinhos, tão lindinhos e tão sem culpa esses veados. Mas nesse mundo é assim: caminhou vira comida.

Paramos para um descanso e café em Te Anau, uma típica cidade da NZ: bonita, turística, pequena e as margens do segundo maior lago do país.

Assim que saímos de Te Anau, começou o Fiordland National Park e a famosa Milford Road. A estrada é assim: lagos tranquilos, montanhas altas com picos nevados, rios de águas cristalinas e florestas. Como eu disse, o caminho é quase melhor que o destino. A estrada, Rodovia 94, chega até 940 metros acima do mar e tem um túnel chamado Homer de 1,2 km com apenas uma pista. As paisagens são tão lindas que eu tive dificuldade em escolher as fotos. Coloquei uma seleção aqui.


E mais uma seleção do Mirror Lake (Lago Espelho) que nem é necessário explicar.

E mais adiante mais beleza. Esse é apenas o caminho.

E não bastasse tudo isso, chegamos a Milford Sound, os fiordes. Ele entra uns 15 kms, como uma baia saindo do Tasman Sea. A entrada do fiorde tem rochas de 1.200 metros de altura. O mais alto chamado The Elephant tem 1.500 metros e lembra um elefante e tem também um parecido com um leão. Também tem duas cachoeiras: Lady Bowen Falls e Stirling Falls. Tem várias outras quedinhas d´água, mas essas são as maiores. E tem também as foquinhas que ficam na Pedra da Foca.

Como é difícil mostrar toda a dimensão da obra da natureza com fotos, tentei filmar.

E se prestar bastante atenção é possível ver as foquinhas.

Nesse passeio também encontramos a Diana, uma brasileira super gente fina, que trabalha com informática e veio até a NZ fazer curso de inglês. Foi nossa primeira brasileira na NZ e foi ótima companhia.

Diana e eu dentro do navio do passeio
Diana e eu dentro do navio do passeio
Nosso meio de transporte
Nosso meio de transporte
E nós na chegada
E nós na chegada

E mais não preciso dizer sobre esse lugar e esse dia. Agora para os glaciais.

Um comentário sobre “Milford Sound – a beleza dos fiordes

  1. Wilde A Campos

    Tenho certeza que será inesquecível para vcs a fantástica aventura de conhecer esses fiordes. São obras da natureza, de inigualável beleza e é lamentável apenas que sejam tão distantes de nós. Mas vcs viram e nós as conhecemos tb, através das tuas fotos e videos. São mais lindos que os vistos em filmes. Bjs.

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s