Informações práticas – Ilha de Páscoa

A Ilha de Páscoa ou Rapa Nui é chilena, fica a 3.700 km do Chile e tem 164 quilômetros quadrados. Faz parte da Polinésia, a língua Rapa Nui é quase a mesma da Polinésia Francesa. A fama toda da ilha e os 65.000 turistas / ano vem dos 887 moais (estátuas gigantes) que tem espalhados por toda a ilha e que foram feitos pela população Rapa Nui. É patrimônio da humanidade. É uma das ilhas mais remotas habitadas do mundo. Coloque remoto nisso. Tudo aqui é difícil. Toda a comida vem do Chile por aviões da LAN, tem pouquíssimos voos (creio que um por dia) que vem do Chile e voltam no mesmo dia com passageiros. Tirando alguns turistas diferentes só encontramos turistas chilenos e brasileiros. Só tem uma cidade, que eu chamaria de vila, na ilha toda. A população é de umas 6.000 pessoas sendo 4.000 Rapa Nuis e 2.000 chilenos. Os Rapa Nuis não se consideram chilenos e se orgulham muito do que são. O clima é de ilha: chove muito e venta muito. Estamos no inverno, mas dizem que o clima é subtropical chuvoso. As chuvas parecem de verão e caem em grande quantidade e com muito vento. Dos seis dias que passamos aqui, quatro choveram bastante. Caso você não tenha muitos interesses históricos e não esteja passando por aqui a caminho de outro lugar a ilha não vale a pena. É muito difícil, muito cara, com clima horrível e sem nenhum atrativo além dos cabeções e da cratera do vulcão. As pessoas são ótimas, muito educadas e ajudam em tudo.

Moeda
CLP – pesos chilenos
Nessa data: US$ 1 compra 510 CLP

Atenção
Nós fizemos nossos saques no Banco do Estado. Cuidado com o Santander que tem limite de 200.000 pesos e cobra 3.000 pesos por saque. Nem todos os lugares aceitam cartão de crédito, na verdade são poucos.

Eletricidade
220V-230V / 50 Hz
Tomada de dois pinos redondos iguais as nossas antigas (antes da tomada jabuticaba).

Comida
Normal com bastante peixes e batatas (doce e normal). Não tem muitos legumes variados e nem muita salada. Os supermercados são vendas com poucas ofertas e opções.

Transporte na ilha
Não existe transporte público. Para qualquer lugar dentro da cidade o valor é de US$ 2 / 1.500 CLP e para fora é US$ 25 / 12.000 CLP. Alguns lugares só são acessíveis a cavalo. O combustível custa US$ 1,50 / 771 CLP o litro.

Segurança
Não tivemos nenhum problema até agora.

Hanga Roa
É a única cidade ou povoado da ilha onde tudo se concentra: dois ATMs e dois bancos, várias vendinhas, lojas, agências de turismo e shows folclóricos. Ponto de partida para todo o resto.

Como chegamos
De avião, vindos de Papeete, Taiti, Polinésia Francesa. Chegamos ao único aeroporto da ilha.

Como saímos
De avião para Santiago do Chile.

Hotel
Martin y Anita – albergue que teria tudo para ser bom não fosse estar meio caído e gasto. Necessita renovações e reformas. A água da pia do nosso quarto era um fio, armários com portas que não correm e a porta do banheiro fechava só no tranco. A cozinha é compartilhada com a família, pequena, não tem microondas e creio que na alta temporada não é suficiente para todos. O fogão único está sempre com alguma panela. Wi-fi no quarto porque estávamos perto do roteador. Internet lenta, mas creio que é problema da ilha. Cama e lençóis limpos mas o restante com pó acumulado. Forneceu toalhas, mas foi difícil conseguir papel higiênico. Quarto grande com tudo o que precisamos para ficar confortável. Leve em conta que esse foi o mais barato que encontramos. Uma caminhada de 10 minutos até o centro. Se você não vai usar a cozinha está muito bom. Tem jardim e espaço. Tudo o que foi combinado foi cumprido. Nos levou do aeroporto até o hotel e vice-versa.
Pagamos US$ 43 / 22.000 CLP por quarto com banheiro dentro.

Passeios
Fizemos o passeio tradicional pela ilha de um dia inteiro com a www.kiakoetour.cl . O pessoal disse que o almoço não foi bom, foi uma quentinha com uma coxa de frango e arroz, refrigerante. O passeio foi ótimo. Nos levaram em um mini ônibus confortável a todos os lugares básicos para o turista: Ahu Aka Hanga (casa típica e moais caídos), Ahu Tongariki (famosos 15 moais que estão em todas as fotos), Rano Raraku (pedreira onde eram feitos os moais e vulcão), Ahu Te Pito Kura (alguns moais e o umbigo do mundo) e para a praia de Anakena que tem mais alguns moais e uma praia de areia branca. Todos os outros passeios que pesquisamos eram mais caros que esse cerca de US$ 30 / 15.000 CLP porque não descontavam o almoço.
Pagamos US$ 40 / 20.000 CLP sem o almoço.Com o almoço ficaria mais US$ 24 / 12.000 CLP.

Caminhamos até o Orongo, vulcão e aldeia. Vale a caminhada ou se quiser alugue um carro ou vá de bicicleta mas é subida. Conseguimos ir e voltar em seis horas. Leve água e lanche. Na ida ou na volta não deixe de visitar a caverna Ana Kai Tangata que tem pinturas rupestres.Caminhamos até o Orongo, vulcão e aldeia. O vulcão é lindo e tudo aquilo que se espera de uma cratera. A Vila não é muito grande e vale pela história. Vale a caminhada ou se quiser alugue um carro ou vá de bicicleta com coragem porque é subida. Conseguimos ir e voltar em seis horas. Leve água e lanche.

Dicas
– a ilha não tem agência de seguros, portanto o aluguel de carros não é segurado. Você tem que deixar o voucher do seu cartão de crédito já assinado.
– vá até o correio e peça para carimbarem seu passaporte. Eles carimbam gratuitamente um carimbo com os moais e o nome da ilha.
Carimbo no passaporte
– assim que chegar ao aeroporto compre suas entradas para os dois parques: Rano Kau (onde está o vulcão e a vila Orongo) e Rano Raraku (a pedreira onde eram feitos os moais) . Custa US$ 60 / 30.000 CLP por pessoa e só pode ser comprado no aeroporto ou no CONAF que fica no caminho para o Rano Lau.
– informações turísticas tem pessoal excelente, vale a visita. Fica perto do mar na Tu´hu Maheke.
– a cidade tem seus próprios horários que não conseguimos aprender, mas muitas coisas fecham para o almoço e só reabrem depois das 16:00.
– nunca deixe de passar protetor e levar boné. Mesmo nós que viemos da Polinésia Francesa completamente bronzeados ficamos vermelhos. O sol ou o mormaço é muito forte.
– aos domingos, 9:00, tem missa na catedral. Tem bumbo, sanfona, violão e ukulele. Tocada e cantada na lingua local, falada em espanhol. Muito diferente. Vale aparecer.
– no aeroporto Mataveri tem wi-fi gratuita, muito lento mas grátis.
– não é necessário fazer check-in com duas horas de antecedência. Quando vir o avião que vem de Santiago pousar ai sim pode ir para o aeroporto. Desse modo não se perde tempo.
– se você for voar da IPC para Santiago pela algum assento J, L (do lado direito do avião) e partir no número 27 (fora da asa) é a melhor vista da ilha. É possível, de cima, ver a ilha toda quando o avião sai.

Um comentário sobre “Informações práticas – Ilha de Páscoa

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s